Análise de Jujutsu Kaisen: Cursed Clash

10/02/2024 - POSTADO POR casino ilion EM https://roteironerd.com/fortune-tiger-deposito-1-real

Com o sucesso da segunda temporada do anime Jujutsu Kaisen e a crescente popularidade da franquia em todo o mundo, minhas expectativas para o lançamento de Jujutsu Kaisen: Cursed Clash estavam altas. Disponível para PlayStation 5, PlayStation 4, Xbox Series X|S, Xbox One, Nintendo Switch e PC via Steam, o jogo promete uma jornada emocionante pelo mundo de feiticeiros, maldições e batalhas intensas que conquistaram milhões de fãs.

Confira agora o que achamos do novo título da Bandai Namco.

> Leia a nossa análise da segunda temporada de Jujutsu Kaisen.

> Leia a nossa análise de Jujutsu Kaisen 0.

História

Jujutsu Kaisen: Cursed Clash nos leva de volta ao universo do anime, acompanhando de perto os eventos da primeira temporada e do filme Jujutsu Kaisen: 0. Esta é uma oportunidade para reviver momentos marcantes da história enquanto seguimos a jornada de Yuji Itadori e seus amigos na Escola Técnica de Feiticeiros Jujutsu. Apesar dessa imersão no mundo de Jujutsu Kaisen, o modo história do jogo apresenta diversos tropeços.

Um dos principais pontos negativos é a falta de fluidez na narrativa. Apesar de recriar fielmente momentos marcantes da primeira temporada, a transição entre as cutscenes e o gameplay às vezes é abrupta e desajeitada. Além disso, a apresentação visual durante o modo história deixa um pouco a desejar, com cutscenes estáticas e pouca variedade nas animações, o que pode tornar a experiência menos envolvente para os jogadores que estão acostumados com narrativas mais dinâmicas e visualmente atraentes.

Outro aspecto negativo é a ausência de conteúdo da segunda temporada do anime. Com a franquia em constante evolução e novos arcos sendo introduzidos, a limitação do jogo à primeira temporada pode deixar os fãs desapontados e carentes por mais conteúdo atualizado.

Imagem de Jujutsu Kaisen Cursed Clash
Imagem de Jujutsu Kaisen Cursed Clash

Jogabilidade

O sistema de combate apresenta controles simples, com botões dedicados para ataques básicos, feitiços e golpes especiais, proporcionando uma variedade de opções para os jogadores explorarem durante as batalhas. Há algumas nuances que podem impactar negativamente a jogabilidade. Por exemplo, embora seja possível executar combos simples pressionando repetidamente um botão, a falta de profundidade nos movimentos pode levar a uma sensação de monotonia e repetição durante as batalhas.

Além disso, a movimentação dos personagens pode parecer um tanto desajeitada em certas situações, especialmente ao tentar saltar sobre plataformas ou áreas elevadas do mapa. Pense numa física ruim deste jogo, é totalmente desmotivador.

Outro aspecto a ser considerado é o equilíbrio entre os personagens. Alguns personagens que lutam à distância podem se destacar em relação aos que preferem o combate corpo a corpo, o que pode levar a uma sensação de desigualdade durante as batalhas. A falta de variedade nos golpes especiais e feitiços de alguns personagens também pode limitar as estratégias disponíveis para os jogadores, reduzindo a profundidade das batalhas.

Ausência de cooperativo local

Uma das grandes decepções é a ausência de um modo cooperativo local em Jujutsu Kaisen: Cursed Clash. Enquanto o jogo oferece a opção de jogar em modo cooperativo online, permitindo que os jogadores se unam a um amigo para enfrentar maldições, a falta de um modo cooperativo local é frustrante para os amantes de jogos de anime. Tipo: quando você compra um título de Dragon Ball, todo mundo compra com a intenção de jogar com os amigos, principalmente porque se trata de um jogo de luta.

A ausência desse recurso pode limitar a acessibilidade do jogo para aqueles que preferem ou desejam jogar em grupo de forma presencial. Embora o modo cooperativo online ainda ofereça a oportunidade de jogar com amigos, a falta de um modo local pode ser vista como uma falha significativa para aqueles que valorizam a interação pessoal durante as sessões de jogo.

Imagem de Jujutsu Kaisen Cursed Clash

Modo Online

Jujutsu Kaisen: Cursed Clash oferece aos jogadores a oportunidade de enfrentar desafios adicionais e competir contra outros jogadores em uma variedade de modos de jogo. Um dos principais destaques do modo online é a opção de participar de partidas ranqueadas, onde os jogadores podem testar suas habilidades competitivas contra oponentes de todo o mundo. No entanto, enfrentei dificuldades para encontrar oponentes, o que pode afetar a experiência dos jogadores que buscam competir em um ambiente mais desafiador e competitivo.

Além das partidas ranqueadas, o título também oferece a opção de jogar em modo cooperativo, permitindo que os jogadores se unam a um amigo para enfrentar maldições e chefes poderosos juntos. Aqui, acredito que seja o ponto mais divertido, pois consegui ter boas experiências com os amigos. O ponto de atenção é a facilidade dos combates, porque facilmente você termina as missões e acaba perdendo a graça.

Imagem deJujutsu Kaisen: Cursed Clash
Imagem deJujutsu Kaisen: Cursed Clash

Gráficos e Trilha Sonora

Os gráficos do jogo são relativamente simplórios, com modelos de personagens que carecem de detalhes e fluidez em suas animações. Embora o jogo tente replicar o estilo artístico do anime, as animações faciais e os movimentos dos personagens podem parecer rígidos e sem vida em comparação com a qualidade da animação do próprio anime. Isso pode afetar a imersão dos jogadores no universo de Jujutsu Kaisen e diminuir o apelo visual do jogo.

Apesar das limitações em outros aspectos, a trilha sonora apresenta composições épicas e empolgantes que complementam bem as cenas de combate e aumentam a intensidade das batalhas. As músicas são fiéis ao estilo e atmosfera do anime, proporcionando uma experiência auditiva imersiva para os jogadores.

Imagem deJujutsu Kaisen: Cursed Clash

Veredito

Jujutsu Kaisen: Cursed Clash é sem dúvida um dos piores jogos de anime dos últimos anos. Para mim, fã do anime, é um verdadeiro desamino, já que a segunda temporada terminou de forma excelente e todos ficaram órfãos da franquia. A qualidade deste jogo é consideravelmente inferior a outras adaptações de animes, como Dragon Ball Z Kakarot, o que pode frustrar muitos fãs. Por isso, a minha sugestão é você passar bem longe desse título.

Pontos Positivos:

  • Trilha Sonora empolgante
  • Modo online diversificado

Pontos Negativos:

  • Narrativa desajeitada
  • Gráficos simplórios
  • Ausência de modo cooperativo local
  • Mecânica de combate repetitiva
  • Ausência de Conteúdo da Segunda Temporada

Nota: 3.0 / 10