Jujutsu Kaisen: Veredito da segunda temporada

02/02/2024 - POSTADO POR plataforma nova de jogo fortune tiger EM https://roteironerd.com/leon-cassino

A segunda temporada de Jujutsu Kaisen chegou à sua aguardada conclusão na Crunchyroll. Com tantas reviravoltas na história, pode parecer até que se tratam de duas temporadas em uma só, mas refletimos a seguir sobre todos os eventos que se iniciam com a Saga do Passado de Gojo e seguem para o Arco do Incidente de Shibuya – necessários para a próxima parte, o Jogo do Abate.

Atenção: o texto a seguir pode conter spoilers de Jujutsu Kaisen.

>> Veredito de Jujutso Kaizen 0

12 Anos Atrás

A nova temporada começa de um jeito que deixou alguns espectadores um tanto confusos: retrocedendo cerca de 12 anos na história, quando parte dos feiticeiros mais fortes da história ainda estavam na escola (sendo Satoru Gojo e Suguro Geto dois deles, quando ainda eram melhores amigos).

A Saga do Passado de Gojo se inicia com cenas não canônicas, mas que adicionam contexto a história de Jujutsu Kaisen. Utahime e MeiMei, que eram parceiras na época da escola (e agora são professoras na sede de Kyoto da Escola Jujutsu), são auxiliadas por Geto e Gojo (que na época, já eram prodígios) durante uma missão.

Logo em seguida, voltamos para o que é chamado de Arco do Inventário Oculto, onde podemos acompanhar os feiticeiros realizando uma missão de alto perigo: escoltar o receptáculo do Plasma Estelar, uma jovem de 14 anos chamada Riko.

A missão falha graças a Toji Fushiguru, pai de Megumi, que atua nesse Arco como vilão e caçador de recompensas. Ao ter sucesso em sua caçada, o destino de Gojo e Geto é mudado de forma drástica e eles se tornam inimigos. Enquanto Satoru percebe a fragilidade dos mais fracos e desperta suas técnicas mais fortes para protegê-los, Suguro questiona seu caminho como feiticeiro e começa sua jornada como vilão.

Imagem: Divulgação

Halloween em Shibuya

Levados até Shibuya por conta de uma série de barreiras que surgiram no Halloween, uma das noites mais movimentadas do bairro em Tóquio, os feiticeiros da escola técnica em feitiçaria Jujutsu são divididos em grupos para não apenas entender o que aconteceu e dar suporte, mas também para eliminar as barreiras e as maldições presentes no local.

Tudo isso muda quando se descobre que se trata de uma armadilha preparada por Geto e seus auxiliares para matar o feiticeiro mais forte da geração, Satoru Gojo. Com cenas incríveis marcadas por uma direção impressionante, a animação dos episódios ficou impecável e fez justiça a importância das cenas em Jujutsu Kaisen, que no mangá já deixava os fãs cativados.

Junto ao filme de Jujutsu Kaisen, agora que fomos introduzidos ao passado de Gojo e obtivemos informações sobre como Geto se tornou um antagonista, começamos o Arco do Incidente de Shibuya com uma pergunta: como? E finalmente temos uma resposta.

Pouco antes de ser selado, Gojo finalmente descobre que existe uma maldição dentro do corpo de seu ex-melhor amigo, e toda a saga do vilão até o momento passa a fazer sentido: após ser derrotado por Yuta, Geto foi possuído por Kenjaku, uma maldição de grau especial, conhecido por criar objetos malignos de nível especial. Entre eles, o receptáculo que seria capaz de matar Satoru, mas que, devido às suas habilidades, acaba por apenas selá-lo.

Imagem: Divulgação

Ladeira abaixo

O equilíbrio entre maldições e feiticeiros se desfaz, e então uma série de combates são travados nesse Arco, com cenas fantásticas e personagens adorados encontrando um final trágico. Após o selamento do feiticeiro mais forte, que é Gojo, é só ladeira abaixo quando se fala de desgraça na história.

O que também pode se aplicar para a animação de alguns episódios, mas que não deixam de forma alguma a qualidade do roteiro cair. Mesmo sendo verdade que o estúdio MAPPA perdeu a mão em alguns momentos (como as cenas de luta entre Sukuna e Mahoraga), também é necessário dizer o quanto o emocional dos fãs foi marcado com a destruição deixada pelo Rei das Maldições em Yuji.

Imagem: Divulgação

Veredito

A segunda temporada de Jujutsu Kaisen foi muito mais forte em diversos sentidos do que a anterior. Enquanto a primeira temporada é introdutória, essa nova fase já nos deixa ansiosos para a próxima temporada (já confirmada), que trará personagens muito mais icônicos como Yuta, e cenas mais impressionantes, tudo dentro do Arco do Jogo do Abate.

Pontos Positivos

  • Roteiro
  • Personagens
  • Animação cativante
  • Trilha Sonora

Pontos Negativos

  • Qualidade gráfica das cenas decai ao longo da temporada

Nota: 9.8