Veredito da 2ª temporada de Beastars

28/07/2021 - POSTADO POR EM Animes / Mangás
Post thumbnail

A segunda temporada de Beastars (2020 -) estreou na Netflix esse mês e, com o enorme sucesso da primeiro ano da série, nós do Roteiro Nerd resolvemos trazer a nossa visão da continuação desse anime cheio de originalidade e bestas. Confira agora.

ATENÇÃO! O TEXTO A SEGUIR CONTÉM SPOILERS.

Filosofia de vida

Se achamos a primeira temporada de Beastars curta, a segunda passa a impressão de ser menor ainda, mesmo que ela possua o mesmo número de episódios (12) e média de tempo (24 minutos).

A história do anime começa exatamente onde a primeira temporada terminou, com Legoshi trabalhando sua relação com Haru, enquanto Louis assume a gangue de leões no mercado negro e o assassinato de Tem ainda em aberto. A diferença é que aqui temos um começo bem mais lento, o que é bem inteligente e realista da parte dos realizadores, por tratar de assuntos bem sérios.

Nenhum dos protagonistas sabe exatamente por onde começar o seu caminho, e por isso estamos sempre sendo apresentados a questões filosóficas, debatendo assuntos como proteção, poder e outros. Isso vem principalmente de Legoshi e Louis, mas também de personagens menores, mas relevantes.

Essa primeira parte nos serve para observar que nem sempre o que queremos é o que podemos ter. Muitas vezes precisamos buscar alternativas difíceis dentro de escolhas fáceis apenas para que possamos nos superar.

Imagem: Divulgação

Segredos e mistérios revelados

O anime também nos apresenta a um novo membro no clube de teatro, um carneiro bastante bonito, confiante e popular entre as mulheres chamado Pina. Ele fala exatamente o que pensa e parece querer saber todos os segredos do clube, inclusive aquele de quem matou Tem.

Para quem ainda tinha dúvidas, esse mistério é sim, solucionado na segunda temporada. Inclusive de forma bem abrupta e que pode até parecer preguiçosa, mesmo fazendo sentido na trama. E a partir disso Legoshi se vê com outra questão: como fazer que o assassino se entregue.

Imagem: Divulgação

A base de carne e suor

Para resolver seu conflito, Legoshi vai atrás do único que parece ter uma resposta: o panda Gohin, que o faz treinar duramente todos os dias contra seus institutos e vontade de predador. Tudo à base de muito suor e concentração primeiro, e depois com combates.

Enquanto há esse movimento do lobo, também existe o paralelo do veado no mesmo mercado. Louis comanda a gangue dos leões de forma esplendorosa, assistindo e participando de verdadeiras carnificinas, mostrando que no mundo deles não existe essa real distinção de herbívoros e carnívoros, mas sim fortes e fracos. Assim, outra questão filosófica é instaurada na narrativa, a de moralidade.

Imagem: Divulgação

Veredito

A temporada tem um encerramento de arco redondo quando se trata do assassinato de Tem, mas deixa muitas pontas soltas para voltar em sua terceira temporada, já confirmada pela Netflix. Essa parte da história é focada em assuntos maiores do que estamos acostumados a tratar no cotidiano e talvez seja um problema para quem queria apenas curtir um anime tranquilo de animais lutando. 

Beastars veio trazer questões importantes sobre sociedade e o papel de cada um nela, e mesmo assim, ele peca em englobar todos os tipos de personagens. Haru e Juno não apenas são postas de lado nesse roteiro, como quando estão no centro, ficam limitadas a uma rivalidade feminina que não convence.

Por fim, a segunda temporada do anime traz uma continuação mais intimista, com resoluções e questões novas, não deixando de forma alguma a qualidade cair e fazendo com que os fãs encarem ótimos questionamentos.

Pontos positivos

  • Questões filosóficas importantes
  • Solução do assassinato do Tem

Pontos negativos

  • Exclusão dos personagens femininos do contexto filosófico
  • Solução preguiçosa do assassinato

NOTA: 8