Veredito de Garfield: Fora de Casa

07/05/2024 - POSTADO POR https://roteironerd.com/21-casino EM plataformas fortune tiger

O gato mais famoso da cultura pop acaba de ganhar mais um lançamento nos cinemas: Garfield: Fora de Casa é a nova animação da Sony. Sem conexão com filmes anteriores, o longa traz Chris Pratt e Samuel L. Jackson na dublagem original dando voz ao gatinho e seu pai, respectivamente. Conferimos o filme e contamos nossas impressões a seguir.

Enredo 

Garfield era só um filhotinho de gato de rua quando adotado por John. Cinco anos depois da adoção, ele volta a reencontrar seu pai biológico, Vic. Os dois, junto do cachorro Odie, partem em uma aventura fora do conforto de casa e acabam descobrindo que são muito mais parecidos do que imaginavam.

O roteiro de Garfield é simples e direto ao ponto, apresentando os personagens de forma coesa, dinâmica e divertida. A trama, porém, acaba utilizando de clichês com soluções simples. Mesmo sendo um filme infantil, a narrativa precisa ser minimamente lógica e apesar de ser boba, o texto do longa funciona tanto para adultos quanto para crianças.

A qualidade técnica da animação é muito boa, com representações de texturas que são interessantes mesmo sem mirar no realismo. Aliás,  a animação lembra muito as tirinhas e gibis do Garfield. O mais interessante é como a técnica mistura a fofura com o absurdo de determinadas cenas, deixando muito divertido.

Imagem: Divulgação

A Criação do Garfield 

Garfield foi criado pelo quadrinista norte-americano Jim Davis, e teve sua estreia em uma tirinha cheia de sarcasmo publicada em 19 de junho de 1978. Antes disso, Davis tentou publicar tirinhas de um personagem chamado Gnorm Gnat em um jornal de Indiana chamado The Pendleton Times. Apesar do editor do jornal chamar atenção para o bom traço e o humor da tira, as histórias não implicaram.

Atualmente, Garfield é o segundo personagem com o maior número de publicações, sendo 2570 jornais publicando suas tirinhas. O felino perde apenas para Charlie Brown e sua turma com os quadrinhos de Peanuts, cujas adaptações se tornaram animações clássicas.

Imagem: Divulgação

Veredito 

Garfield: Fora de Casa é um filme gostoso de assistir. Com um roteiro simples, alguns clichês e problemas com soluções óbvias, o longa pode até funcionar melhor para crianças do que para adultos, mas mesmo assim a produção é capaz de entreter e divertir o público mais velho.

Os personagens foram construídos de forma bem redonda e seu visual brinca muito com a ironia, contrapondo um visual cativante com personalidades completamente distintas do que se é esperado. A arte do filme é muito bem feita, utilizando técnicas que deixam as texturas interessantes e traços fofinhos de um jeito diferente, irreverente e divertido. Os cenários, por fim, são lindos e condizem com o que era mostrado nas tiras.

Pontos positivos:

  • Animação 
  • Construção visual e desenvolvimento dos personagens 
  • Humor 

Pontos Negativos:

  • Roteiro com clichês
  • Problemáticas simples e soluções óbvias

Nota: 8/10