Spoiler: Quem é o verdadeiro vilão da história?  

07/05/2018 - POSTADO POR e EM Filmes
Post thumbnail

Você tem problemas com spoilers? Para alguns isso é normal e não atrapalha de forma alguma o consumo do conteúdo, sejam livros, séries ou filmes. Por outro lado, existem pessoas que só pela perspectiva de receberem spoilers já se sentem mal e preferem tapar os ouvidos e passar longe.

Recentemente, na divulgação de “Vingadores: Guerra Infinita” (2018), os Irmãos Russo, diretores do longa, escreveram uma carta pedindo aos fãs que não contassem spoilers após assistirem ao filme. “Estamos pedindo para que vocês mantenham este mesmo nível de sigilo quando assistirem a Guerra Infinita nos próximos meses, para que todos os fãs possam ter a mesma experiência quando virem o filme pela primeira vez. Não o estraguem para os outros, da mesma forma que não gostariam que o estragassem para vocês”, destacam.

Por isso, resolvemos fazer esta matéria para discutir um pouco mais sobre essa questão, trazendo dois lados da história: uma pessoa que não tem problemas com spoilers e outra que não curte.

Foto: Divulgação

Spoiler: Um crush pra vida toda!

Muitas das pessoas que conheço odeiam receber spoilers. Enquanto eles odeiam, eu AMO (#ISRAELLE)! Sim, amo e necessito. Spoiler me enche de vontade de assistir aquele filme ou série de lançamento que todos estão falando. No caso das séries de romance, como “The Vampire Diaries”, não vejo alguns episódios, mas já sei que fulano vai beijar fulana na casa dos pais de fulana.

Spoiler, ao meu ver, é aquele negócio que fica e gruda na mente, e me faz sentir uma grande vontade de ver algo, pelo simples desejo de poder ver com meus próprios olhos, por mais que isso possa soar estranho. Ainda não compreendo porque muitas pessoas dizem coisas do tipo: “Você que assistiu não estraga a alegria da pessoa” ou “ Vou te bloquear se soltar spoiler”, e assim que ver o filme ou a série acaba fazendo o mesmo.

Spoiler é a nossa alegria de ver algo amado, algo tão esperado que a gente quer falar para o universo, quer compartilhar a felicidade de ter visto. Ainda que existam pessoas que revelam os plot twists por maldade, mas isso não acontece com todo mundo.

Spoiler me enche de vontade de assistir aquele filme ou série de lançamento que todos estão falando

– Israelle Amaral

Foto: Divulgação

Sai daqui spoiler!

Por causa da minha mãe, cresci vendo muitos filmes e seriados de TV (#DAVI). Perdi as contas de quantas Sessões da Tarde, Cinema em Casa, Tela Quente, Tela de Sucessos e Sessões de Sábado acompanhei durante minha vida. Criou-se em mim uma paixão pelo mundo do cinema e também das séries, onde o amor pelas obras só aumentava quando sentava para assistir algo.

Aquilo era tão significativo para mim! Se qualquer coisa me tirasse daquele mundinho, era como se uma parte minha desaparecesse. E foi daí que passei a me importar com spoilers e com quem tem o prazer de contar. Para quem fica bastante entretido num filme e uma pessoa conta, por exemplo, o que acontece em “O Sexto Sentido” (1999), é como se estragasse uma experiência de vida para ela. Qual é o fundamento de espalhar os plot twists de tantos longas ou séries que existem?

E nos tempos de hoje, com a rapidez onde as coisas são jogadas na internet e com o advento das redes sociais, está cada vez mais complicado escapar dos temidos spoilers, pois você pode acabar pegando quando menos se espera.

Saber o que vai rolar nos acontecimentos finais é possível de acabar com o clímax e pode gerar até um misto de ansiedade e nervosismo, sem contar com a chateação com a pessoa que lhe passou. Ainda há aquele comentário: “Ah, mas o filme é antigo, pode dizer os spoilers que nem chega a ser mais isso”. Neste caso, depende se a pessoa ainda tem vontade de assistir a obra ou se ela não quer mais. Porém, ainda existe outro pequeno problema: Até onde essa questão com spoilers pode tirar a liberdade de expressão do outro? Como dito antes, vai depender muito de como a pessoa se porta quanto a isso e se há um respeito da parte de quem ama receber spoilers em não contá-los.

Saber o que vai rolar nos acontecimentos finais é possível de acabar com o clímax

– Davi Cardoso

Foto: Divulgação

O vilão quem faz é você!

No final das contas, cada um tem a sua preferência, entre aqueles que gostam ou não de spoilers, e cabe a nós respeitar o desejo do outro. Se você quer comentar o filme ou a série com outra pessoa, não custa nada perguntar antes se tem problema com spoilers – e se a resposta for não, o papo já está garantido sem qualquer tipo de aborrecimento.

Foto: Divulgação