Quatro motivos para assistir a série The Rain

18/07/2018 - POSTADO POR EM Séries
Post thumbnail

A Netflix vem investindo em produções de vários países diferentes para preencher seu catálogo e atrair cada vez maior público. Uma das apostas é a série pós-apocalíptica “The Rain”, filmada entre a Dinamarca e a Suécia. Nós assistimos tudo, aprendemos algumas palavras em dinamarquês (mentira) e viemos contar a história.

Os atores são desconhecidos para nós, então você vai realmente se sentir assistindo uma coisa bem diferente. Para quem gosta de falar da paleta de cores, a série possui cores frias e sombrias, que combinam muito bem com a paisagem e o tema de fim do mundo.

Enredo

A história começa quando Simone (Alba August) e seu irmão, Rasmus (Lucas Lynggaard Tønnesen),  em um dia aparentemente normal, são levados pelos pais para um bunker (esconderijo subterrâneo) em uma floresta. Estão todos fugindo de uma chuva misteriosa que começou a cair sobre a cidade. Quem é tocado por ela morre quase instantaneamente vítima de um vírus e ninguém sobrevive tempo o bastante para que consigam encontrar uma cura.

O pai dos dois trabalha em um tipo de empresa farmacêutica, a mesma que construiu os bunkers e, depois de se certificar de ter deixado a família segura, ele promete conseguir uma solução, deixando os irmãos sob os cuidados da mãe, mas acaba não voltando. A última frase que profere para sua filha foi: “Cuide do seu irmão, ele é a chave para tudo”.

A primeira temporada mostra Simone protegendo a vida de Rasmus enquanto os dois procuram sobreviver fora do esconderijo junto a Martin (Mikkel Følsgaard) e seus seguidores, que encontram um mundo devastado, sem comida e com forte poder militar.

Foto: Divulgação/Netflix

Enigmas

Desde o primeiro episódio, perguntas flutuam na atmosfera do seriado. Não sabemos o que causou a chuva e o vírus mortal; também não imaginamos como ficou o mundo depois disso. Seis anos se passaram desde a chuva até o dia em que Simone e Rasmus decidiram sair do local protegido. O modo como os dois atravessam o “mundo selvagem” depois de tanto tempo trancafiados é surpreendente.  

A busca pelo pai dos dois adolescentes pode ser considerada como “mortal”, pois assim que saem do bunker, os irmãos enfrentam perigos que jamais anteciparam e não há sinal de sua única família. Quando encontram outros sobreviventes e se aliam a eles, descobrem que há uma força do exército contra todos os remanescentes e passam a ter mais uma coisa a temer.

Foto: Divulgação/Netflix

Uma cópia?

Apesar de diferente  e bem produzida, The Rain seria muito melhor se não contasse praticamente a mesma história que “Between”, série estrelada por Janette McCurdy – a Sam de “iCarly” – que recentemente foi cancelada. Nesta produção, as pessoas morrem misteriosamente por causa de um um vírus que chega a uma cidade nos Estados Unidos, e quem sobrevive é isolado e proibido de entrar em contato com o resto do mundo.

Alterando poucas coisas, as duas séries contam a mesma história, inclusive têm o mesmo final. Então se você assistiu “Between”, não vai se surpreender com “The Rain”, mas a “versão dinamarquesa” é superior em todos os aspectos. Mesmo sendo uma história copiada, vale à pena conferir essa e contar pra gente suas teorias sobre a segunda temporada!

Continuação

De acordo com a Netflix, “The Rain” ganhará uma nova temporada em 2019. Nossas teorias são as seguintes: ou vai morrer todo mundo com o vírus solto por aí, ou a Simone vai virar a rainha de todos, encontrar a cura e salvar a Dinamarca. Seria legal se o Rasmus morresse, que nem a irmã da Katniss em Jogos Vorazes, mas acho que não fariam isso. Contem suas teorias!

Foto: Divulgação/Netflix