Lista: Os melhores jogos da geração (até agora)

22/05/2019 - POSTADO POR EM Jogos
Post thumbnail

Há sete anos, a oitava geração de consoles teve início com o lançamento do PS4 e o Xbox One no mercado. Até o final deste ano, a expectativa é que sejam anunciadas as novas plataformas. Por isso, preparamos uma lista com os melhores jogos até o momento. Não perca e jogue tudo até cansar!

The Witcher 3: Wild Hunt (PS4, Xbox One e PC)

Desde o seu lançamento em 2015, o terceiro e último jogo da saga do bruxo Geralt de Rivia ainda impressiona com o seu grande mundo aberto. Além de paisagens de tirar o fôlego, é impossível não encontrar algum dos pontos de interesse ocorrendo pelo mapa e iniciar uma missão secundária que de alguma forma se conecta completamente ao contexto da história do jogo. Vale a pena conferir este que foi o jogo mais premiado de todos os tempos com 250 prêmios.

Batman: Arkham Knight (PS4, Xbox One e PC)

Finalizando uma trilogia consagrada, “Batman: Arkham Knight” trouxe de volta o melhor da jogabilidade de seus jogos para criar a versão definitiva do “Cavaleiro das Trevas”. Com gráficos de cair o queixo, um sistema de combate extremamente satisfatório e muitas referências para os fãs dos quadrinhos, não há frase melhor para descrever do que essa: você vai se sentir como o Batman.

Uncharted 4: A Thief’s End (PS4)

A finalização da saga de Nathan Drake é uma compra obrigatória para os donos de PS4, combinando gráficos realistas, jogabilidade brilhante e momentos de ação dignos de filmes de Hollywood.

Resident Evil 7: Biohazard (PS4, Xbox One e PC)

Após tentativas falhas de trazer games focados na ação, “Resident Evil 7” retorna a série para o gênero de terror, através de sua câmera em primeira pessoa, no teu tom de sobrevivência e com história focada no terror psicológico. A mudança no estilo de gameplay infelizmente dividiu opiniões, deixando os fãs raízes de Resident Evil com um pé atrás.

Horizon Zero Dawn (PS4)

Em uma geração sem muitas novas IPs de peso, “Horizon Zero Dawn” foge das histórias clichês de mundo pós-apocalíptico, trazendo uma protagonista cativante e um sistema de combate extremamente satisfatório graças à variedade das criaturas robóticas que vagam pelo mundo aberto – isso é claro além de ser um dos jogos mais belos já feitos para consoles.

The Legend of Zelda Breath of The Wild (Wii U e Switch)

Em seu lançamento, “The Legend of Zelda: Ocarina of Time” foi um marco para a indústria dos jogos e foi considerado o melhor game de todos os tempos. Desde o seu anúncio, “Breath of the Wild” era a promessa de Eiji Aonuma de uma nova era para a franquia de Zelda e ao gênero de mundo aberto. A promessa foi cumprida, criando uma Hyrule em uma escala grandiosa, incorporando mecânicas que alterariam futuramente todo o gênero do mundo aberto.

Cuphead (Xbox One, PC e Switch)

Já imaginou um jogo plataforma com jogabilidade “Run N’ Shot” aos moldes de “Contra” e “Metal Slug” e com animações desenhadas à mão no estilo dos desenhos clássicos dos anos 30? Ele existe, e seu nome é “Cuphead”, um dos jogos mais frenéticos e difíceis de 2017 que recebeu os prêmios de “Melhor Direção de Arte” e “Melhor Jogo Independente” no “The Game Awards 2017”.

Super Mario Odyssey (Switch)

Dos verdadeiros fãs para os nintendistas novatos, “Super Mario Odyssey” é uma homenagem a todos os jogos do bigodudo, com o retorno da jogabilidade de sandbox do clássico “Super Mario 64”, de 1996, mas introduzindo novas mecânicas como o chapéu Cappy para controlar a mente dos inimigos e ter mais possibilidades de locomoção. Quem iria imaginar que depois de tantos anos, Mario ainda surpreende com suas aventuras.

God of War (PS4)

“God of War” fugiu da fórmula clássica dos jogos anteriores com o seu hack’n’slash tradicional para dar espaço a uma câmera mais próxima de Kratos e tendo um gameplay mais moderna. O game evoluiu suas mecânicas tradicionais e trouxe uma história profunda e íntima do protagonista e seu filho, Atreus, enquanto tentam sobreviver nas terras geladas do reino Nórdico e seus deuses.

Marvel’s Spider-Man (PS4)

Perdoem pela repetição, mas não tem como não descrever esse jogo como: Você se sentirá como o Homem-Aranha! Além de ser a melhor história do cabeça de teia já existente nos jogos, temos o melhor game em quesito técnico do herói, conseguindo ocupar o lugar de “Spider-Man 2”, da Treyarch, no topo dos melhores jogos do personagem.

Forza Horizon 4 (Xbox One e PC)

A franquia “Forza” já tem uma reputação de ser um dos melhores jogos de corrida disponíveis no mercado e a quarta edição de “Forza Horizon” não deixa nada a desejar. Trazendo uma jogabilidade deliciosa num meio termo entre arcade e simulação, o título apresenta cenários belíssimos da Inglaterra e com o novo sistema de estações do ano temos novas experiências toda semana. Este é um jogo obrigatório para os donos de Xbox que são fãs de corrida.

Assassin’s Creed Odyssey (PS4, Xbox One e PC)

“Assassin’s Creed Odyssey” traz uma odisseia à Grécia antiga ao colocar o jogador na pele de um(a) espartano(a). O game da Ubisoft aprendeu com os deslizes do passado e trouxe tudo de melhor que a franquia acumulou, com uma ótima narrativa com múltiplas escolhas e grandes visuais em um vasto mundo a ser explorado, além de uma jogabilidade com mais liberdade ao jogador.

Red Dead Redemption 2 (PS4 e Xbox One)

A obra prima da Rockstar, “Red Dead Redemption 2”, não podia ficar fora da lista. Foram oito anos de trabalho que resultaram em um dos títulos mais belos e detalhados da atual geração. Temos um mundo enorme, com várias missões secundárias e a liberdade para fazer o que quiser em um Velho Oeste.

Resident Evil 2 Remake (PS4, Xbox One e PC)

Após muito aguardo e hype, a Capcom finalmente entregou o remake de “Resident Evil 2”, um dos melhores títulos da série. O estúdio gamer combinou a atmosfera assustadora do original com o poder gráfico da nova geração. Este é um jogo obrigatório para os fãs da série e do gênero terror.