Lista: 5 curiosidades de The Crown

20/04/2020 - POSTADO POR and EM Séries

A Rainha Elizabeth II completa 94 anos em 2020, mais precisamente neste dia 21 de abril. E lembrando do sucesso de “The Crown” resolvemos indicar, de novo, a série pra você. Para ler a análise da terceira temporada do seriado da Netflix, é só clicar aqui

A série mostra detalhes do reinado de Elizabeth II, reforçando particularidades de sua vida no castelo, assim como decisões políticas e acontecimentos da época, como a morte de J.F. Kennedy, por exemplo. Como se trata de uma série biográfica, é esperado que muito do que é  mostrado seja realidade. No entanto, nem tudo é assim. Separamos para vocês algumas curiosidades sobre “The Crown”.

O nevoeiro de 1952

O nevoeiro de 1952 na realidade não causou tanto pânico na população de Londres, já que eles estavam acostumados com a paisagem cinza. A série, no entanto, mostra o contrário. A demora na percepção do problema causou muitas mortes, estima-se que foram entre 6 e 12 mil. Isso levou à mudança e o endurecimento nas leis de combate a poluição.

Neste mesmo arco, uma secretária de Churchill, que era apaixonada por ele, morreu atropelada por um carro no grande nevoeiro. No entanto, ela nunca existiu. Os roteiristas colocaram esse “fato” para justificar a preocupação tardia do Primeiro Ministro com o tema. 

Foto: Divulgação

As atrizes

A diferença de idade de Claire Foy (Rainha Elizabeth jovem) e Vanessa Kirby (Princesa Margaret jovem) é de quatros anos, exatamente a mesma diferença entre a rainha Elizabeth II e a princesa Margaret. Já na terceira temporada, com a substituição do elenco por atores mais velhos, a dinâmica das idades mudou, pois Olivia Colman (Rainha Elizabeth mais velha) é sete anos mais jovem que a nova intérprete de sua irmã, a atriz Helena Bonham Carter.

Foto: Divulgação

A Rainha assiste The Crown?

Sim! A rainha gostou da série, mas acha que algumas cenas são muito exageradas e que na realidade não aconteceram daquela forma. O curioso é que “The Crown” mostra o marido de Elizabeth, Philip da Grécia e Dinamarca, Duque de Edimburgo, como uma pessoa bem chata e difícil de lidar, além de ter traído a esposa em várias ocasiões, e ela gostou da série… Então… Tirem suas próprias conclusões.

Foto: Divulgação

A coroação

A cena da coroação de Elizabeth foi gravada na Catedral de Ely, em Cambridgeshire. A produção tentou fazer com que a Catedral parecesse com a Abadia de Westminster, igreja do século XI onde são feitas todas as coroações dos monarcas ingleses.

Foto: Divulgação

Relação mãe e filho

A princesa Alice e o filho Philip eram bem próximos. Isso é negado na série. Ao assistir, parece até que o príncipe tem medo da mãe.  Falando nisso, o episódio em que a princesa dá uma entrevista ao jornal nunca aconteceu na realidade.

Foto: Divulgação