GLOBO DE OURO: SAIBA QUAIS FILMES SE DESTACARAM NO EVENTO

08/01/2019 - POSTADO POR e EM Filmes
Post thumbnail

A cerimônia do Globo de Ouro 2019 aconteceu na noite do último domingo (6) em Los Angeles, Estados Unidos, com apresentação dos atores Andy Samberg (Brooklyn Nine-Nine) e Sandra Oh (Grey’s Anatomy). O evento deu início à temporada de premiações americana, com categorias dedicadas ao cinema e à TV. Reunimos aqui uma lista com os principais filmes vencedores, confere aí.

Green Book: O Guia – 3 Globos de Ouro

Das quatro indicações que o filme recebeu no Globo de Ouro, ele levou três prêmios para casa: Melhor Filme – Musical ou Comédia, Melhor Roteiro para os roteiristas Peter Farrelly, Nick Vallelonga e Brian Currie e Melhor Ator Coadjuvante para Mahershala Ali. Apesar do número de nomeações, o longa não era um dos grandes favoritos e surpreendeu por ter sido o mais premiado da noite.

A produção é uma comédia dramática sobre uma turnê na região de Deep South (EUA) durante o ano de 1962. Essa turnê é feita pelo pianista de jazz clássico Don Shirley (Mahershala Ali), que contrata o ítalo-americano Tony Vallelonga (Viggo Mortensen) para ser seu motorista e segurança. O filme trata sobre a relação de ambos, que começa conflituosa, mas vai evoluindo ao longo da narrativa.

Foto: Divulgação

Bohemian Rhapsody – 2 Globos de Ouro

Das duas indicações do longa, ele conseguiu vencer ambos os prêmios. Inclusive o mais esperado da noite, a categoria de Melhor Filme – Drama, além de Melhor Ator de Filme – Drama para Rami Malek. Apesar de ter sido um campeão de bilheteria, a verdade é que a produção recebeu críticas mistas, então foi uma grande surpresa ter desbancado a favorita Nasce Uma Estrela.

Bohmeian Rhapsody narra a trajetória de uma das maiores bandas de todos os tempos, o Queen. Vemos a sua formação durante a década de 70, com seus integrantes Freddie Mercury (Rami Malek), Brian May (Gwilyn Lee), Roger Taylor (Ben Hardy) e John Deacon (Joseph Mazzello) enfrentando o desafio de equilibrar fama e vida pessoal. Uma das melhores coisas da produção é a maneira que retrata os shows do grupo, de maneira a deixar qualquer fã emocionado.

Foto: Divulgação

Roma – 2 Globos de Ouro

Lançado diretamente na Netflix no final do ano passado, a produção logo ganhou destaque no circuito mundial, sendo aclamada tanto pela crítica quanto pelo público. Não à toa isso lhe rendeu os prêmios de Melhor Filme Estrangeiro e Melhor Diretor para o aclamadíssimo Alfonso Cuarón neste Globo de Ouro, perdendo apenas na categoria de Melhor Roteiro para Green Book.

O longa se passa em um bairro mexicano durante a década de 70, durante o governo de Luis Echeverría e narra momentos do cotidiano de Cleo (Yalitza Aparicio), uma empregada doméstica que trabalha para uma família de classe média. O filme é inspirado na própria infância do diretor e consegue retratar de maneira muito delicada aspectos de alegria, de tristeza e até mesmo esperança em uma vida simples, porém dura, apontando muitas vezes para questões de desigualdade social.

Foto: Divulgação

Nasce Uma Estrela – 1 Globo de Ouro

O projeto estrelado por Bradley Cooper e Lady Gaga parecia estar destinado a uma grande noite neste último domingo. Foi a estreia de Bradley como diretor, mas além de Melhor Filme – Drama, o longa foi indicado nas categorias de Melhor Diretor, Melhor Atriz, Melhor Ator e Melhor Canção Original, mas acabou levando apenas na última, pela música “Shallow”.

Esta é a quarta versão de “Nasce Uma Estrela”, um projeto que a cada nova geração de Hollywood acaba sendo refeito com o intuito de alçar uma atriz a um novo patamar na indústria. O longa conta a história de Jackson (Cooper), um artista veterano que conhece Ally, uma jovem aspirante a cantora (Gaga), e a ajuda a alcançar a fama. Em meio a isso, a relação dos dois floresce mas o alcoolismo e traumas pessoais de Jackson ameaçam as conquistas do casal.

Foto: Divulgação