Casa Baratheon: Fúria e decadência real

01/11/2018 - POSTADO POR EM Séries
Post thumbnail

Em Game of Thrones nós conhecemos a família Baratheon por estar no trono ou lutar para subir nele. Eles são uma das grandes Casas de Westeros e eram bastante ligados aos Targaryen até os eventos que levaram à Rebelião de Robert. Houve um longo período de paz depois disso, porém com a morte desse rei o caos volta a se instalar no continente com ainda mais força. Apresentamos um pouco da história dessa família que teve vida curta no trono – mas não por falta de tentativas de permanecer lá.

História e legado

Foto: Divulgação

Assim como os Lannister, os Baratheon pegaram suas terras e títulos de uma família anterior a eles, os Durrandon. Diz a lenda que Durran Desgosto-Divino se envolveu com Elenei, a filha do deus do mar e da deusa do vento, porém essa união foi reprovada pelos deuses e eles fizeram de tudo para impedir. O casal só teve paz depois de se estabelecer no castelo conhecido como Ponta Tempestade, que dizem, teve a ajuda de Bran, o Construtor para ser erguido.

Muitos anos se passaram com a família Durrandon reinando sobre as Terras da Tempestade, até eles entrarem em rixa com os Targaryen e terem sido os primeiros subjugados durante a Conquista de Aegon. O feito foi todo de Orys Baratheon, amigo muito próximo de Aegon, que derrotou o rei Argilac, o Arrogante, casou com sua filha Argella e tomou as posses da Casa derrotada para si.

Após isso os Baratheon prosseguiram bastante fiéis aos Targaryen, havendo poucas rixas entre eles ao longo dos anos. A mais famosa e última foi justamente a Rebelião de Robert. Nela Robert Baratheon (Mark Addy), junto de seus amigos Ned Stark (Sean Bean) e Jon Arryn, rebelou-se contra o domínio do Rei Louco, derrotando suas forças, assassinando seus herdeiros e elevando sua Casa ao posto de nova família real.

Família Baratheon na série

Foto: Divulgação

Robert Baratheon: Filho mais velho da atual família Baratheon e rei no início da série. Na juventude foi muito apaixonado por Lyannna Stark, irmã de seu melhor amigo Ned, porém ela faleceu durante a Rebelião e ele, por aliança, se casou com Cersei Lannister (Lena Headey). O casamento foi infeliz e ele fez vários bastardos por Porto Real. Nunca soube que seus filhos com a esposa eram ilegítimos, acabou morto pelas mãos dela.

Stannis Baratheon (Stephen Dillane): O filho do meio, ele também é o mais sério dos três. Foi um comandante competente durante a Rebelião e por isso ganhou o direito da Pedra do Dragão, mas tomou isso como ofensa, uma vez que queria ser o Lorde de Ponta Tempestade. Stannis se deixou levar pela crença do Deus Vermelho e tinha Melisandre (Carice van Houten) como guia para sua tentativa de assumir o trono depois da morte do irmão.

Renly Baratheon (Gethin Anthony): O caçula da família, ele lembra Robert na juventude, porém não tem o mesmo espírito lutador dele. Renly gosta mais de banquetes e festas, e depois da morte do irmão decidiu se coroar rei apenas por um capricho seu. Ele conquistou o apoio da Casa Tyrell ao se casar com Margaery (Natalie Dormer), porém preferia se deitar com o irmão dela, Loras (Finn Jones). A fúria de Stannis sobre ele levou à sua prematura morte.

Joffrey Baratheon (Jack Gleeson): Herdeiro do trono e filho mais velho. Assim como seus irmãos ele só carrega o nome Baratheon, pois é fruto do incesto de Cersei Lannister com seu gêmeo, Jaime. Sua personalidade mimada e cruel o levou a ser um dos personagens mais odiados da série, sendo responsável por brutalidades, principalmente com sua até-então-prometida Sansa Stark (Sophie Turner). Porém depois a abandonou para se casar com Margaery Tyrell, o que o levou a ser morto em seu próprio casamento pela família da noiva, que não confiava nele.

Myrcella Baratheon (Nell Tiger Free): A filha do meio, ela não tem nada a ver com o irmão mais velho. Cedo foi mandada embora de Porto Real por seu tio Tyrion (Peter Dinklage) por motivos de segurança, apesar dos protestos de sua mãe. Ficou como hóspede em Dorne, prometida ao filho de Doran Martell (Alexander Siddig), o jovem Trystane (Toby Sebastian) e passava bem lá. Porém acabou sendo morta pelas Serpentes de Areia em vingança pela morte de Oberyn (Pedro Pascal).

Tommen Baratheon (Dean-Charles Chapman): O caçula das três crianças. Ele ascendeu ao trono após a morte de Joffrey, herdando também sua noiva Margaery. Era facilmente manipulado pelo avô, pela mãe e pela esposa e não conseguiu tomar medidas concretas contra as atitudes radicais do Alto Pardal (Jonathan Pryce), preferindo aliar-se a ele. Jogou-se de uma torre do palácio após a morte de Margaery e diversas outras pessoas na explosão do Grande Septo de Baelor.

Shireen Baratheon (Kerry Ingram): Única filha de Stannis, ela é considerada uma garota frágil por conta de ter tido escamagris durante a infância e ter ficado com o rosto marcado. Muito tímida, ela quase não tem amigos e passa a maior parte do tempo lendo. Foi morta em um sacrifício orquestrado por Melisandre com o consentimento do próprio pai.

Curiosidades

Foto: Divulgação

  • O símbolo da Casa Baratheon é um veado preto sobre um fundo amarelo, foi colocada uma coroa na cabeça do animal depois que Robert se tornou rei. Seu lema é “Nossa é a fúria”.
  • Robert derrotou Rhaegar Targaryen em combate singular, eles lutaram às margens do rio Tridente e Robert deu uma martelada tão forte no peito do príncipe que os rubis de sua armadura se desprenderam e caíram na água. Vários soldados pararam de lutar para tentar pegar as pedras preciosas.
  • Dizem as lendas que Ponta Tempestade foi o sétimo castelo construído por Durran Desgosto-Divino e o único que sobreviveu à fúria dos deuses. Suas pedras são tão bem encaixadas que o vento não consegue encontrar fresta para passar entre elas.