Casa Stark: O inverno está acabando

04/10/2018 - POSTADO POR EM HQs/Livros E Séries
Post thumbnail

Se você é fã da série Game of Thrones é provável que tenha se apegado a pelo menos um membro da Casa Stark. Afinal, a história começa com eles. E é impossível não lamentar as sucessivas tragédias que se abatem sobre essa família a partir do momento em que Ned (Sean Bean) aceita deixar o Norte para ser Mão do Rei Baratheon (Mark Addy). Como uma das mais antigas e tradicionais de Westeros, vamos contar um pouco da história, os membros e curiosidades sobre a casa de Winterfell. E não se esqueçam: Winter is coming!

Imagem: Divulgação

História e legado

Os habitantes do Norte são descendentes dos chamados Primeiros Homens, os estrangeiros que chegaram a Westeros vindos de Essos quando era tudo só mato. O poder da Casa Stark sobre essa região é secular: no início eles eram conhecidos como Reis do Inverno, posteriormente Reis do Norte, tudo isso no período antes da Conquista de Aegon Targaryen e da unificação de todos os Sete Reinos.

O domínio dos Stark foi marcado por guerras contra reinos menores no Norte e arredores. Todos eles foram sendo subjugados um a um, passando de reis a vassalos da grande casa nortenha. Seus inimigos mais obstinados foram, sem dúvidas, os Bolton de Forte do Pavor. O último dos conhecidos Reis Vermelhos foi Rogar, o Caçador, que jurou lealdade a Winterfell pouco antes da chegada dos Ândalos a Westeros, o que trouxe uma nova leva de guerras à região.

Após a Conquista, os Stark tornaram-se os Protetores do Norte com o juramento de lealdade do último rei nortenho, Torrhen Stark, à Aegon. A Casa foi bastante fiel aos Targaryen até pouco antes da Rebelião de Robert, quando o Lorde Rickard Stark e seu filho Brandon (respectivamente pai e irmão mais velho de Ned) foram mortos sem direito a um julgamento por Aerys II, o Rei Louco.

Casa Stark na série

Embora o autor  das Crônicas de Gelo e Fogo, George R. R. Martin, ainda esteja escrevendo o que deve ser o livro derradeiro da saga, a  adaptação televisiva da HBO  exibirá sua oitava e última em 2019. Na primeira temporada, que foi ao ar em 2011, iniciamos a história com sete membros dos Stark vivendo ainda em Winterfell.

Eddard Stark: conhecido como Ned, ele é o Lorde da Casa nortenha. Assumindo esse posto depois da morte do pai e do irmão mais velho, casou-se com Catelyn Tully (Michelle Fairley) e com ela teve cinco filhos. Preza sua honra mais do que tudo e sua única mácula é o filho bastardo que trouxe para casa após a guerra para tirar os Targaryen do poder. É o melhor amigo do rei Robert Baratheon e por foi isso escolhido para ser sua Mão.

Catelyn Stark: inicialmente da família Tully casou-se com Ned no meio da Rebelião de Robert. É uma mãe muito protetora com seus filhos, e entende bem da política do reino, auxiliando seu primogênito Robb (Richard Madden) quando este foi declarado Rei do Norte. Nunca gostou de Jon Snow (Kit Harington), pois se sente afrontada pela sua presença em Winterfell.  

Robb Stark: filho mais velho, e portanto futuro Lorde de Winterfell, ele rebelou-se contra o reino após o assassinato de seu pai, lutando pela independência do Norte do Trono de Ferro. Ficou conhecido como o Jovem Lobo durante a Guerra dos Cinco Reis, mas foi traído pelos Bolton e pelos Frey, o que ocasionou no massacre do Casamento Vermelho.

Sansa Stark (Sophie Turner): filha mais velha da família foi treinada para ser uma lady. No início da série é prometida em casamento a Joffrey Baratheon (Jack Gleeson), o que a tornaria uma futura rainha. Porém, logo percebe que o príncipe é um garoto cruel e passa muito tempo sofrendo na Fortaleza Vermelha. É fruto da obsessão de Mindinho (Aidan Gillen) e não se dá bem com sua irmã Arya (Maisie Williams), seu completo oposto.

Arya Stark: terceira filha e a mais rebelde, ela se recusa a fazer o papel de dama. Arya passa a maior parte da série viajando pelo continente até atravessar o mar estreito e chegar a Essos, onde se junta aos chamados Homens Sem Rosto e passa por um rigoroso treinamento. Ela tem uma lista mental de seus jurados de morte e deseja vingança contra todos àqueles que fizeram mal à sua família.

Bran Stark (Isaac Hempstead-Wright): o quarto e o preferido de Catelyn, no início da série, é um curioso escalador até que sofre de paralisia nas pernas após a queda de uma torre, na verdade empurrado de lá por Jaime Lannister (Nikolaj Coster Waldau). Bran então parte em uma jornada para depois da muralha, onde inicia o treinamento para tornar-se o Corvo de Três Olhos, um poderoso vidente e troca-peles (quem consegue entrar na mente de um animal).

Rickon Stark (Art Parkinson): o caçula da família e o que menos aparece na série. Ele é muito pequeno no início e logo é separado de Bran depois do ataque de Theon Greyjoy (Alfie Owen-Allen) a Winterfell. É levado à Casa Umber por Osha (Natalia Tena) na companhia de seu Lobo Cão Felpudo.

Bônus

Jon Snow: não é considerado um Stark de verdade por ser supostamente bastardo de Ned. Logo no início da trama, parte para ser membro da Patrulha da Noite na muralha junto de seu lobo Fantasma. Rapidamente assume a liderança da Patrulha e é um ferrenho lutador na batalha contra os Caminhantes Brancos.

Curiosidades

O símbolo da Casa Stark é um lobo gigante sobre um fundo cinza, e seu lema é a frase que se tornou a mais popular entre os fãs dos livros e do seriado: “O inverno está chegando”.

O ancestral mais conhecido dos Stark é Brandon, o Construtor. Ele é responsável pela construção de Winterfell, o castelo ancestral da família, além de lhe atribuírem a elevação de inúmeras estruturas imponentes como a própria Muralha e a Ponta Tempestade, que pertence à Casa Baratheon.

Como descendentes dos Primeiros Homens, os Stark ainda seguem os Velhos Deuses. Dentro das muralhas de Winterfell, existe um bosque sagrado com uma Árvore-Coração, um imenso represeiro branco com folhas vermelhas e um rosto esculpido. É na frente dela que rituais devem ser feitos, como casamentos e orações.